Sábado
20 de Julho de 2024 - 

Consulte Os Seus Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico
Usuário
Senha

Notícias

Saúde mental no Sistema Socioeducativo é tema de debate da Justiça em Sobral

O Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e de Execução de Medidas Socioeducativas (GMF) do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) promoveu ação voltada aos cuidados com a saúde mental de jovens da Comarca de Sobral. A iniciativa, realizada nessa quarta-feira (03/07), contou com a participação de órgãos públicos e privados que atuam nessa área. “Foi um momento potente em sensibilização e aprendizado que destaca a importância de uma rede fortalecida e articulada em prevenção e em cuidados à saúde mental aos jovens do sistema socioeducativo, reforçando o potencial transformador de construção de novos caminhos por esses jovens”, explicou a juíza Kathleen Nicola Kilian, titular da Vara Única da Infância e Juventude de Sobral. Entre os participantes estavam a rede Diálogos sobre o Sistema Socioeducativo do Município, a Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (Seas), as redes de assistência social e de saúde municipais, faculdades e a Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Durante a programação, houve uma capacitação nas técnicas de Projeto Terapêutico Singular (PTS), que envolvem propostas terapêuticas articuladas a partir da discussão de equipe multidisciplinar, e quanto ao Plano de Cuidado com os adolescentes que estão inseridos no Sistema Socioeducativo. Além disso, foram apresentados detalhes sobre os fluxos construídos pelo Grupo de Trabalho em Saúde Mental do GMF e sobre o desenvolvimento dessas ações em Sobral. Além da magistrada, participaram dos debates a gerente do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) I de Sobral, Roseane Rocha; o assistente social do Caps II do Município, Natan Ribeiro; bem como as representantes da Seas e da Secretaria de Saúde de Sobral, Gabriela Oliveira Ribeiro e Marina Pereira Mota, respectivamente. AUDIÊNCIAS CONCENTRADAS Os adolescentes em conflito com a lei são regularmente acompanhados pela Vara Única da Infância e Juventude. No último dia 29 de maio, a unidade promoveu a 4ª Edição das audiências concentradas no Centro Socioeducativo de Sobral para reavaliar as medidas. Também foram promovidas palestras, atividades com equipes técnicas e psicólogos, bem como disponibilizados persos serviços de acolhimento e cidadania para os jovens e seus familiares. As audiências concentradas existem desde outubro de 2022, como estratégia para reforçar a eficiência do Sistema Socioeducativo no contexto de um trabalho articulado. A iniciativa da Vara da Infância e da Juventude de Sobral é pioneira no Ceará e já proporcionou persos projetos de extensão que culminaram em novas perspectivas de ressocialização.
04/07/2024 (00:00)
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.